Resolvido mistério sobre Conan Doyle

Condensado de GloboNews

(LD_AFP) A Scotland Yard acaba de disponibilizar ao público seus arquivos sobre o que poderia ser o último mistério da vida de Sir Arthur Conan Doyle: o desaparecimento de 79 romances policiais do acervo do escritor que, teoricamente, lhe teriam servido de inspiração para criar o famoso personagem Sherlock Holmes.

Denis e Adrian Conan Doyle, filhos do escritor, encontraram indícios de que os livros teriam passado para as mãos de um tal A.S. Rosenbach, cidadão americano residente em Nova York. Este, por sua vez, os teria emprestado a uma universidade americana durante uma exposição.

Mas os agentes do FBI chegaram rapidamente a uma conclusão decepcionante por sua trivialidade: Sir Arthur simplesmente vendeu parte de sua biblioteca em um leilão realizado em 18 de junho de 1930, em Londres, e os livros foram adquiridos por Rosenbach.

O escritor morreu poucos dias depois, em 7 de julho de 1930, e por isso seus filhos e herdeiros jamais souberam nada a respeito.

Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Resolvido mistério sobre Conan Doyle

  1. mundosherlock disse:

    Não temos certeza sobre a data dessa matéria, mas é por volta do ano de 2000. Em vista disso, publicamos em 01/01/2000.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s